Category Archives: Filmes

O Cidadão Ilustre, de Mariano Cohn e Gastón Duprat

A DANÇA QUASE IMPOSSÍVEL ENTRE O PRIMITIVO E O ELABORADO Tenho a impressão de que Mariano Cohn e Gastón Duprat, esses dois cineastas argentinos que já haviam surpreendido com O homem ao lado (2009) – e agora o fazem novamente … Continue lendo

Publicado em Arte, Filmes | Deixe um comentário

Paterson, de Jim Jarmusch

A VIDA NA CIDADE DA PALAVRA O outro dia, uma amiga um pouco mais jovem contou como foi sua primeira ida, ainda adolescente, ao Cine Brasília. Foi com um amigo e ambos saíram de lá sem entender o que havia … Continue lendo

Publicado em Filmes | Deixe um comentário

O Filho de Saul, de Laszlo Nemes

Sobre o filme “Filho de Saul” e a estética do sublime Por Matheus e Dora Gorovitz O mon Dieu, donne à chacun sa propre mort, donne à chacun la mort née de sa propre vie où il connut l’amour et … Continue lendo

Publicado em Filmes | Deixe um comentário

O Mestre dos Gênios, de Michael Grandage

UM PAI DE FEIÇÕES CLÁSSICAS Um filme pode ser perfeito? Até ter visto O mestre dos gênios, de Michael Grandage, eu acreditava que não. Como assim, perfeito? Que palavra mais alheia ao universo da crítica! Nada é perfeito, ainda mais … Continue lendo

Publicado em Filmes, Ideias e condutas | Deixe um comentário

49º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro

O TEMPO QUE PRECISAMOS NOS DAR PARA NÃO ACABAR Tenho acompanhado o que posso do 49º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro. E tenho podido bem pouco, diga-se de passagem, mas creio que o suficiente para ter visto e presenciado … Continue lendo

Publicado em Filmes | Deixe um comentário

Aquarius, de Kleber Mendonça Filho

TUDO ÀS CLARAS Ontem, finalmente, fui ver Aquarius, o mais recente filme de Kleber Mendonça Filho. Não tem muito tempo que esse filme estreou; como explicar, então, o “finalmente” da oração inicial? Bem, como quase todos sabem, esse longa pernambucano … Continue lendo

Publicado em Filmes, Política | Deixe um comentário

Francofonia, de Aleksander Sokurov

AINDA BEM QUE ELES NÃO TINHAM FACEBOOK O ultimo post aqui publicado data de quatro meses. Amigos fãs do que escrevo e eu mesmo temos feito a pergunta: o que se passa? Tento responder mencionando o baixo retorno; trata-se de … Continue lendo

Publicado em Filmes, Política | Deixe um comentário

Juventude, de Paolo Sorrentino

ENLEVANTE PERVERSÃO O novo filme de Paolo Sorrentino, Juventude, ainda em cartaz, fez com que relesse minha crítica de A grande beleza, o seu (agora) penúltimo. Tinha para mim que era uma boa crítica, talvez enlevado que estava pela impressionante … Continue lendo

Publicado em Filmes, Uncategorized | Deixe um comentário

O Regresso, de Alejandro González Iñárritu

CARNAVAL NA NEVASCA Vivemos um mundo pra lá de estranho: por um lado, passamos a ter o auxílio da rede mundial de informática, que amplia a nossa capacidade de resgatar coisas, de expressar outras e, por último, de adquirir – … Continue lendo

Publicado em Filmes | Deixe um comentário

Adaptação, de Cia. Teatro de Açucar e A Pele de Vênus, de Roman Polanski

SOB O SIGNO DO INESPERADO Vou novamente ser um tanto cruel – só que, agora, às avessas[*] – e comentar um espetáculo que passou como um relâmpago pela cidade (somente duas apresentações): a peça Adaptação, um monólogo concebido, dirigido e … Continue lendo

Publicado em Filmes, Teatro | Deixe um comentário